INDICAÇÃO DE AUTORIA DO VEREADOR OSMAR BAIANIM SUGERE REALIZAÇÃO DO CENSO MUNICIPAL DE 2017

Segundo Osmar Baianim “os Municípios que mais se desenvolveram no país têm como principal ferramenta, instrumentos que direcionem o Governo para uma gestão pública eficiente, ou seja, o conhecimento pleno da realidade sócio econômica da cidade

 

Indicação de autoria do vereador Osmar Neres dos Santos (Osmar Baianim) propõe que seja encaminhado expediente ao prefeito Marcelo Passuelo no sentido de que  se realize o “Censo Municipal 2017”.

Segundo o autor da proposição “os Municípios que mais se desenvolveram no país têm como principal ferramenta, instrumentos que direcionem o Governo para uma gestão pública eficiente, ou seja, o conhecimento pleno da realidade sócio econômica da cidade, facilitando desta forma a implementação de programas  sociais mais justos e igualitários. Isso só é possível através da realização do Censo Municipal que é mais eficiente que o Censo do IBGE, realizado pelo Governo Federal.”

Osmar Baianim acrescenta que “ é do conhecimento de todos, a realidade sócio econômica de nosso Municipio onde muitas famílias , em virtude do índice de desemprego, estão desamparadas e chegam a ter que contar com a solidariedade da comunidade para terem o alimento em suas mesas. No caso o levantamento sugerido poderá ser realizado em parceria com a Secretaria de Estado de Ciência Tecnologia e Ensino Superior de Minas Gerais que disponibiliza de recursos para a realização do Censo Municipal e com isso poderão ser corrigidas inúmeras distorções e injustiças sociais. Com isso, o Governo terá uma noção verdadeira da situação econômica da população, como por exemplo, renda familiar, número de pessoas empregadas e desempregadas, número de pessoas que têm casa própria, as que pagam aluguel e principalmente o número de habitantes que de fato residem em Fronteira,” destacou o autor da proposição.

Na mesma reunião também foi aprovada indicação do vereador Osmar Baianim solicitando providências para a instalação de lombadas na Rua Professora Maria do Carmo na Vila Reis à altura da Rua 9 e Avenida Brasil na Vila de Furnas. Em sua justificativa para tal providência o autor alega que “nesses locais por não existirem redutores de velocidade tanto carros como ônibus trafegam em alta velocidade provocando acidentes graves. Além disso os moradores do local estão preocupados com o fato de que nas imediações residem muitas crianças que seriam as vítimas prováveis na falta dessas lombadas que diminuiriam a ocorrência de trafego em velocidade não permitida,” explicou.

 


Publicado por: Assessoria

Publicado em: 17 de abril de 2017

Cadastre-se e receba notícias em seu email